sexta-feira, junho 13, 2008

Dentro de dois meses

vou fazer uma coisa que já não faço há 14 anos.

Vou ter férias em Agosto (o ano 2000 não conta porque estava desempregada).

E se por um lado estou ansiosa por esta experiência quase inovadora, por outro estou apreensiva. Vou abandonar a escavação a meio. É certo que é só por quatro dias e que a escavação fica muito bem entregue. Mas isto vai doer!

É quase como se fosse deixar um filho meu aos cuidados de outras pessoas para me ir divertir. Parte do meu coração vai ficar cá. Não me vou conseguir abstrair para aproveitar ao máximo aquelas férias. E vou estar a pensar constantemente no que é que eles estão a encontrar e no que eu estou a perder.
Nesta altura do campeonato, já não espero grandes surpresas, muito menos na área que este ano vamos intervencionar. Mas nunca se sabe. E quase que aposto que no dia antes de ir de férias vão surgir algumas surpresas, para me deixar ainda mais triste por me ir embora. Aiiiiiiiii!

Quando soube que ia ter que tirar uma semana de férias em Agosto (obrigações matrimoniais assim o exigem) decidi imediatamente que iria para um SPA. Com cinco semanas de escavação em cima e mais três à minha espera, nada melhor que um SPA para recuperar energias.

Pois, caros leitores, imaginem o contrário de um SPA. É para aí que eu vou. Será concerteza um spa para os olhos. O corpo que se lixe. Vou chegar muito mais cansada mas concerteza muito mais feliz, nem que seja por estar novamente de volta aos meus buraquinhos.

Quando tiver mais certezas da cidade de destino, do itinerário e da cidade de partida, posto aqui para se roerem de inveja!

E agora para mudar completamente de assunto, amanhã tenho teste de Sig. Aquele teste em que eu era suposto ter estudado muito para manter a nota.....

Pois!

2 comentários:

Manuel disse...

Obrigações matrimoniais? mtos parabéns... e se 1 dia tiveres filhos k sejas tão babosa como eu sou em relação aos meus pequenos....mtas felicidades M. Caldeira Henriques (Bota)

MonteMaior disse...

Nada disso que estás a pensar!


Eu não me vou casar!!!!!!

Eu estou junta e não quero mais nada!


O P. este ano só pode tirar férias em Agosto. Era a isso que eu me referia quando falei em obrigações matrimoniais!!!!!