segunda-feira, abril 11, 2005

Algumas gárgulas em Montemor


Chafariz do Poço Tapado ou de Nossa Senhora da Conceição Posted by Hello


Convemto de S. Francisco Posted by Hello


Torre do Relógio Posted by Hello


Fonte do Gião Posted by Hello


Chafariz da Rua Nova Posted by Hello

6 comentários:

Baphomet disse...

Lindas!!!! Deslumbrandes!!!!

Só podia ser em montemor....

Insane in the brain disse...

Sem duvida,uma terra de encantos!
Já agora,o porquê do chafariz no meio da rua(nova),e das imponentes habitações em seu redor.Terá sido moda de alguma época?Por ultimo,terá recebido seu nome por isso?A sucessão da area abastada da vila?
Se tiveres tempo e paciência,gostava de saber um pouco mais acerca disso.

Insane in the brain disse...

Desculpa estar a ser muito chato,mas todas as fotos mostram gárgulas com o mesmo objectivo.Canalizar água.Tou certo no que escrevi?Seria alguma tara ,ou existirá alguma explicação para tal?De facto,não será muito acolhedor beber água da bica a olhar-se para uma cara de gargula.

Manuela Pereira disse...

Em breve teremos um post sobre a Rua Nova. Sobre o porque do chafariz no meio da rua nova, penso que no século XVI, quando a rua foi construida, já deveria existir ali uma fonte ou mesmo um poço, dado o topónimo de uma das ruas que lhe dá acesso - Rua do poço do passo.

Nihilus disse...

Boa tarde dona chefa, antes de mais queria dar-te os parabéns por este blog, visto que está com um nível bastante bom e com uns artigos bastante interessantes. Segundo, tenta espalhar mais a palavra deste blog para que ñ lhe aconteça o mesmo do saudação do monte, ok? Fica o aviso... já agora para quando um artigo sobre esse fenomenal convento da Saudação? fica bem e cumprimentos ó pessoal do monte!

Prophet of Disaster disse...

Olá, quero dar os parabéns pela iniciativa de fazer um blog sobre a grande metrópole que é a nossa terreola! Gostava de fazer só uma rectificação: as caras ou cabeças que enfeitam as bicas de água nas fontes e chafarizes não se chamam gárgulas mas sim carrancas. As gárgulas são enfeites em desaguadouros de telhados. Outra diferença é a de que as carrancas em fontes representam figuras humanas e as gárgulas representam monstros e animais.