terça-feira, novembro 01, 2005

Foi há 250 anos

Que Portugal e o Alentejo tremeram.
Em Montemor-o-Novo, e apesar de o sismo ter sido bastante bem sentido não provocou grandes danos ao nível material e humano se compararmos por exemplo com o que aconteceu em Lavre que nessa altura ainda não fazia parte do Concelho de Montemor-o-Novo e onde quase tudo ficou destruido.
Acredito no entanto que no caso do Castelo, por exemplo, onde grande parte das casas se encontravam já em ruínas, o terramoto, tenha ajudado à sua completa ruina.
Certo é que algumas fontes perderam o seu caudal, caso da Fonte do Torres, e outras aumentaram-no.

Todos esperamos que um terramoto como este não volte a repetir-se, mas se se repetir, que Montemor volte a ser poupado como o foi há 250 anos.

1 comentário:

antonio.nabo disse...

Olá

Embora não tendo respondido ao convite que lhe enderecei para publicar as suas crónicas sobre a história de Montemor na FOLHA DE MONTEMOR, certamente por lapso, volto aqui a deixar-lhe o convite. Como certamente conhece o jornal, e como pôde reparar na edição do mês passado publicámos um texto sobre o terramoto, a sua presença seria bem vinda e recebida com um abraço.
Cumprimentos
António Nabo (antonio.nabo@sapo.pt)